Renault Duster – Reencontro

Postado em 16.04.2017 às 22:48 em work, por Philip Braunstein | Compartilhe | Comente aqui

Por muitos anos, os comerciais sobre carros e cerveja representaram a parcela machista da sociedade brasileira, objetificando a mulher e afirmando que essas coisas eram para homens. Em partes, o sentimento de muitos comerciais do setor ainda é o mesmo, mas a Renault lançou no último mês uma campanha inspirada em momentos que marcam as vidas das pessoas, chamada Renografias. Um dos vídeos aborda uma viagem de velhos amigos por um trajeto que haviam passado na adolescência. O clímax fica por conta de um deles saindo do armário. O vídeo faz parte de uma campanha de cinco vídeos que quebra diversos estereótipos.

Há muito tempo sem se ver, três amigos voltam a conversar virtualmente e decidem se encontrar para planejar uma viagem juntos. Eles decidem fazer a mesma viagem que haviam realizado quando adolescentes, passando vários perrengues e aventuras. Só que dessa vez, eles iriam numa Duster. Ao longo das paradas, um dos amigos parecia não estar se divertindo, estava com a cabeça em outro lugar. Até que, no meio do caminho, ele soltou um “Eu sou gay”. Bem acolhido pelos amigos, a viagem ganhou novas cores para os três.
O vídeo de 2 minutos foi roteirizado para criar memórias com o modelo Duster, da marca. Percebe-se, entretanto, que a Renault partiu por outro caminho ao mencionar o nome do carro apenas uma vez ao longo do comercial, dando destaque para a história do reencontro. Essa campanha entra para a história da propaganda brasileira, que foge um pouco dos seus estereótipos machistas, apresenta um personagem gay de forma positiva e cria novas memórias para a comunidade LGBT brasileira. Confira:

via revistaladoa.com.br